quinta-feira, 12 de março de 2015

Aprendendo sobre emoções

     Levei Victor para tratar de sua primeira cárie (espero ser a última) e ele estava há vários dias bastante nervoso sobre isso. Ele ficou nervoso, chorou e eu segurei suas mãozinhas...geladas. Mas deixou tratar direitinho e depois foi me explicar:



- Mamãe, eu estava nervoso porque não sabia o que ia acontecer e achava que ia doer.

- Mas mamãe e tia Rosana não explicaram que não ia doer nada?

- Sim, mas dentista sempre tem instrumentos que podem ferir, então fiquei nervos, ué.

                             (pausa para pensar)

- Mamãe, as pessoas não choram somente de dor ou porque estão tristes: choram também quando estão nervosas.

- Verdade, como aconteceu com você hoje, não é?

- E também podem chorar de felicidade, não é?

- É sim. Você já chorou de felicidade, meu amor?

- Já!

- E quando foi isso?

- Quando eu descobri que você era minha mãe.

- Ué, mas você sempre soube disso!

- Não, mamãe. Quando eu nasci, eu olhei para você e descobri que você seria minha mãe: aí eu chorei de felicidade porque eu ia ter uma mãe legal!


-----------------------X-----------------------------X---------------------------X----------------------------------

# Nào é uma coisinha fofa o meu meu amor? :)

Que idioma você fala com seu(s) filho(s)?