quinta-feira, 10 de julho de 2008

Medos infantis

Domingo passado resolvi levar Victor ao cinema. Fomos assistir "Kung Fu Panda" e a parte mais interessante foi a de convencer o serelepe infante a entrar no recinto sem o perigo de ser devorado vivo.
- Victor, chegamos, vamos ver o panda, o tigre, o coelhinho, a tartaruga...não é legal?
- Eu não quero!
- Não??? mas a mamãe vai comprar pipoca, suquinho e bala! tem até sorvete, você pode escolher.
- Eu quero tomar sorvete em casa.
- Mas no cinema é mais legal. Você não quer ver o panda?é logo ali dentro, no cinema.
Eis que o menino dá uma afastada da parede a com a bicicleta, olha assustado para o prédio e exclama:
- Tem sorvete em casa, não quero entrar ali!
- Mas você não quer ver o filme dos bichinhos?
Daí que veio a revelação mais do que "óbvia":
- Mamãe, panda MORDE! tigre também! o coelhino é bonzinho e a tartaruga "bonzinha", mas panda não!
- Ah, mas é um filme na televisão grandona, não é de verdade.
Olhar pensativo, em dúvida, o que me deu motivação para completar:
- E se tiver um bicho que morde a mamãe cuida de você, pode deixar:)
- E vai ter pipoca e balinha?
-Vai.
- Oké!
E sem mais nenhuma sombra da fobia, saiu em disparada com sua bicicletinha. A mamãe teve que dar uma corridinha para alcançar. E na saída ainda me deu um sorriso e disse, agradecido:
- Eu gostei do cinema, mamãe!!!
:):):)

2 comentários:

Ingrid disse...

"E se tiver um bicho que morde a mamãe cuida de você, pode deixar:)"


:D A segurança dos pais ainda é o que as crianças mais querem. O rest(doces,pipoca, diversão) é secundário.

Beijos pra vcs

Husten disse...

O que são o panda, o tigre, o coelhinho, a tartaruga... diante da pipoquinha e da balinha? No universo infantil a pipoquinha e balinha são porções mágicas que aniquilam qualquer força maligna ou sobrenatural, melhor que amuletos... afinal, estaria no cinema mesmo, um saco de pipocas tem aproximadamente 500.000 pipocas... teria que dar atenção a cada uma delas, retirar cada uma, sentir e mastigar cada uma... lambuzar a mão de sal, lamber os dedos... nossa, e depois as balinhas... um filme é pouco!! Perguntou a ele depois qual foi a história do filme?

Que idioma você fala com seu(s) filho(s)?